Categoria: Viagens

Sabrina Sato repete bota alongadora

Fonte: Terra – Vida e Estilo – Elas no Tapete Vermelho por Patrícia Zwipp

 

Você tem alguma peça queridinha, que compõe vários looks? A Sabrina Sato também! Ela não tira dos pés a bota Balenciaga em tom próximo ao de sua pele. O modelo é bem justinho, tem bico fino e salto alto, da coleção pré outono-inverno 2017. Segundo o site ModeSens, custava US$ 995, cerca de R$ 3,2 mil, mas não está mais à venda online.

Looks da Sabrina Sato com a mesma bota (Fotos: AgNews – Instagram/Reprodução)

Matches Fashion/Reprodução

 

Com styling de Yan Acioli, a apresentadora exibiu recentemente cinco looks bem diferentes com o mesmo calçado. E não é à toa que ela não desgruda dele. Normalmente, as botas cortam horizontalmente, achatando a silhueta. Mas, como a cor dessa se confunde com a da perna, acaba alongando. Confira detalhes:

 

Look 1:

Sabrina Sato (Fotos: Thiago Duran/AgNews)

 

Nesta semana, Sabrina Sato optou por trench-coat e a bota alongadora.

#ficaadica1: Criado durante a Primeira Guerra Mundial para o exército inglês, o trench-coat é hoje uma peça-chave do guarda-roupa feminino. Para se proteger do frio com elegância, vale apostar em diferentes tecidos, como sarja, jeans, couro. As cores mais básicas são cáqui, caramelo e preta.

 

Look 2:

Para o #programadasabrina de hoje! 🖤 @lillysartibrand 💥 #éverdade

A post shared by Sabrina Sato (@sabrinasato) on

 

Sabrina Sato exibiu vestido de cintura marcada (R$ 1.160), da Lilly Sarti, com a bota Balenciaga.

#ficaadica2: Para dosar a sensualidade proporcionada pelo vestido curto, as mangas compridas são uma ótima pedida.

 

Look 3:

#programadasabrina em #Portugal 🇵🇹🖤

A post shared by Sabrina Sato (@sabrinasato) on

 

A bota preferida da Sabrina combinou com top decotado transparente (R$ 398), da Rosa Chá, shorts com laço na cintura e camisa alongada preta.

#ficaadica3: Para usar body ou top com transparência, você precisa se sentir bem com a proposta sexy. E também usá-la em ocasiões certas, como baladas e festas informais que combinem com o toque ousado. Ambiente de trabalho, casamentos, reuniões em família e festas infantis não entram na lista, OK?

 

Look 4:

Começou nosso #programadasabrina especial de #diadospais com #zezedicamargoeLuciano ❤️👊😁😘

A post shared by Sabrina Sato (@sabrinasato) on

 

Look total Balenciaga. O vestido marrom custa 1.955 euros no site da grife, cerca de R$ 7,4 mil.

#ficaadica4: Monocromia está em alta e alonga, pois não há interrupção visual.

 

Look 5:

Começou a turnê portuguesa! 🇵🇹🖤💥🌎 @sabrinasato veste @alagarconne

A post shared by Yan Acioli (@yanacioli) on

 

Look floral À La Garçonne com bota Balenciaga e óculos vermelhos Louis Vuitton.

#ficaadica5: Quer usar estampa, mas tem medo de ampliar a silhueta? Saiba que os desenhos pequenos e mais espaçados são os mais democráticos. Se o fundo for escuro, melhor ainda. Mas, se quiser algo com padronagem grande e/ou com cor clara, alie-o aos truques que alongam, como decote V e detalhes verticais.

Programa da Sabrina em Portugal

Setembro foi o mês do Programa da Sabrina aterrisar em Portugal! Nossa japa e parte da equipe foram para o país Europeu gravar matérias especiais e participar de programas locais (já que o Programa da Sabrina é sucesso por lá)!

 

 

As gravações começaram em Lisboa, onde conheceram pontos turísticos antigos, como a Torre de Belém, o Marco do Descobrimento, a LX Factory, a famosa fábrica do Pastel de Belém, entre outros. Mas também passaram por construções modernas, como o Matt, museu de arte com uma arquitetura futurista que impressiona.

 

Torre de Belém

Lisboa ❤️#maat

A post shared by Sabrina Sato (@sabrinasato) on

Abrindo os trabalhos em Lisboa…Torre de Belém! #programadasabrina #lisboa #portugal #éverdade

A post shared by Bruninha Cicolino (@bruninhacicolino) on

 

De Lisboa, a produção seguiu para Sintra, conhecida por conservar os castelos em meio à belas paisagens. Por lá, Sabrina encontrou algumas Figurinhas, como a Nazaré e o Eduardo Pinela, que vocês vão conhecer em breve no Programa da Sabrina.

 

Sintra

Nazaré e Eduardo Pinela – Figurinhas de Portugal

🇵🇹❤️ #turismportugal #sintaportugal

A post shared by Sabrina Sato (@sabrinasato) on

 

Já em Algarve, Sabrina visitou praias paradisíacas e mostrou como é um dos destinos mais luxuosos do país. Lá ela também encontrou a apresentadora Márcia  Goldschmidt.

 

O #programadasabrina AMA Portugal! ❤️🇵🇹

A post shared by Sabrina Sato (@sabrinasato) on

#algarve ⛵️

A post shared by R O D R I G O C O S T A (@rodrigocosta) on

Domingo no Algarve! ☀️ @sabrinasato veste @aguadecocobr 🇵🇹

A post shared by Yan Acioli (@yanacioli) on

 

A última cidade a ser visitada foi Coimbra, famosa pela Universidade de Coimbra. Sabrina encarou um dia de estudante na companhia de uma aluna local, que a levou para as salas de aula, para conhecer a biblioteca da faculdade, que é uma das mais famosas e completas do mundo e as celas onde, antigamente, os alunos ficavam presos.

 

Universidade de Coimbra

Que lugar! #bibliotecajoanina #coimbra ✨

A post shared by R O D R I G O C O S T A (@rodrigocosta) on

 

Após a visita à Coimbra, a turma retornou para Lisboa, onde gravaram no Palácio do Chiado e no show da dupla sertaneja Bruno e Marrone. Nesse último, uma supresa: um casal participou do quadro “Pausa Para o Amor” durante o show!

 

Além de gravar para o seu programa, Sabrina também participou de outros programas da grade da Rede Record Portugal, para divulgação do Programa da Sabrina.

 

Sabrina no Fala Portugal, da Rede Record

 

*As matérias gravadas em Portugal vão ser exibidas no Programa da Sabrina em breve! Fiquem ligados!

Sabrina em São Luiz

Agosto foi um mês movimentado para a japa mais querida do Brasil, depois de voltar de Capri e Paris, Sabrina embarcou para São Luiz-MA, onde gravou para o Programa da Sabrina e apresentou sua linha de óculos na convenção das Óticas Diniz.

As gravações aconteceram em pontos conhecidos da cidade, como na Praça dos Pescadores, no centro histórico no bairro da Praia Grande, no salão afro Pedra Rara e também encontrou a famosa tábua de pirulitos, que é tradicional na cidade.

Tábua de pirulitos

Salão Pedra Rara

Sabrina e amigas de São Luiz, Milena e Manu

Praia Grande

 

Em uma das noites na cidade, Sabrina foi prestigiar a convenção das Óticas Diniz, onde também serão vendidos os óculos da sua marca homônima Sabrina Sato Eyewear. Na foto, Sabrina e Arione Diniz, fundador e presidente do grupo Diniz.

 

As matérias gravadas na cidade serão exibidas em breve no Programa da Sabrina, todos os sábados, às 20h30m na Record.

Leonardo DiCaprio oferece jantar beneficente em Saint Tropez

Sabrina Sato e Duda Nagle

Aconteceu ontem (26/07) em Saint Tropez, mais um edição do Leonardo DiCaprio Foundation Gala. O evento, que é realizado todos os anos pela Leonardo DiCaprio Foundation, arrecada fundos para projetos sociais apoiados pela ONG do ator. Parte do dinheiro também será destinado para uma campanha apoiada por Kate Winslet, que custeia o tratamento de uma mãe com câncer.

Desde 1998, a Fundação Leonardo DiCaprio (LDF) tem estado em missão para proteger os últimos lugares selvagens da Terra, implementando soluções que restauram o equilíbrio para os ecossistemas ameaçados e garantem a saúde e o bem-estar a longo prazo de todos os seus habitantes. O LDF traz atenção e precisa de financiamento para três áreas: proteção da biodiversidade, conservação dos oceanos e florestas e mudanças climáticas. Atualmente, o LDF conta com mais de 70 projetos de alto impacto em mais de 40 países ao redor do mundo.

Thássia Naves, Bruna Marquezine, Sabrina Sato, Gustavo Savi, Sasha Meneghel e Ivete Sangalo

O evento contarou com poucos e seletos convidados, dentre eles o príncipe Alberto de Mônaco, Emma Stone, Cate Blanchett, Marion Cotillard, Penélope Cruz, Tom Hanks, Jared Leto, Kate Hudson, Tobey Maguire, Edward Norton, Madonna, Taylor Hill, Daphne Groeneveld e Barbara Palvin. Representando o Brasil, estiveram por lá Sabrina Sato e Duda Nagle, Ivete Sangalo e Daniel Cady, Bruna Marquezine, Sasha Meneghel, Alok, Marcio Camargo (Restoque) e demais executivos do grupo.

#leonardodicapriofoundation @rosacha

A post shared by Sabrina Sato (@sabrinasato) on

O jantar, que contou com show de Lenny Kravitz e Madonna, arrecadou no último ano cerca de US$ 45 milhões.

Sabrina, Thassia, Bruna, Barbara Palvin e Taylor Hill foram ao evento vestindo Rosa Chá. Ivete e Sasha optaram por Le Lis Blanc. Já Daphne Groeneveld usou um vestido Bo.Bô. As três marcas, pertencentes ao grupo Restoque, foram grandes apoiadoras do evento. Além de arrematar um dos lotes mais caros do leilão, a marca ganhou o título “Earth Protector”.

 

Leonardo DiCaprio Foundation Saint-Tropez Gala 2017 #ldf Usando vestido lindo @rosacha ?

A post shared by Bruna Marquezine ♡ (@brumarquezine) on

Leonardo Dicaprio Foundation Saint – Tropez Gala com o vestido maravilhosoo da Le Lis Blanc ❤️

A post shared by Sasha Meneghel Szafir (@sashameneghel) on

 

A Sabrina conheceu o fashion designer Zuhair Murad

Na viagem ao Líbano a Sabrina conheceu o fashion designer Zuhair Murad. Ele é tipo o designer mais famoso do Líbano, desfila suas coleções em Paris, tem ateliê de alta costura (isso significa que ele faz parte do seleto grupo de designers do mundo que fazem alta costura, aqueles vestidos maravilhosos, feitos sob encomenda e que podem custar até 500 mil Euros) no Líbano e em Paris, lojas no mundo todo e sempre veste alguma celeb nos eventos de red carpet.

2016-09-26-photo-00000145

2016-09-26-photo-00000146

2016-09-26-photo-00000144

A Sá foi ao atelier dele no Líbano, adorou conhecer o Zuhair Murad e ainda gravou um quadro para o programa, que vai ter uma pauta de luxo. Demais né? Para ver a matéria completa, fique de olho no Programa da Sabrina que vai ao todo sábado, as 8:30 na Record.

Aqui nessa matéria do site da Vogue US tem fotos do último desfile de alta costura da marca em Paris, em Julho deste ano.

O Líbano por Guga Chacra

Já que a pauta dessa semana é o Líbano enquanto a Sabrina está por lá gravando para o Programa da Sabrina e tirando umas fotos incríveis que a gente postou aqui, batemos um papo com o Guga Chacra, jornalista e correspondente internacional da Globo News que entende tudo sobre o oriente médio e também tem origem libanesa como a Sabrina.

screen-shot-2016-09-22-at-10-52-45-am

screen-shot-2016-09-22-at-10-52-35-am

screen-shot-2016-09-22-at-10-52-22-am

fotos: @SabrinaReal

Pode falar um pouco sobre a comunidade libanesa no Brasil? 

A comunidade libanesa no Brasil pode se dividir, primeiro, em gerações de imigração. A primeira onda imigratória, majoritariamente cristã, ocorreu no fim do século 19 até depois da Segunda Guerra Mundial. Esta está na terceira ou quarta geração. Muitos têm pouca ligação com o Líbano e nunca visitaram o país. Carregam apenas o sobrenome, as memórias dos avós e os pratos libaneses. Outros poucos são ligados a clubes, como o Monte Líbano, tendo visitado o Líbano algumas vezes. A segunda onda imigratória ocorreu durante a Guerra Civil e prossegue até hoje. Tem tanto cristãos como também muçulmanos (sunitas e xiitas). Falam árabe fluentemente, acompanham as notícias libanesas e em muitos casos têm casas e negócios no Líbano. Não são diferentes, por exemplo, de brasileiros que vivem nos EUA

Como é o papel das mulheres no Líbano? 

 As mulheres libanesas possuem muita força no âmbito familiar, sendo matriarcas e de personalidade muito forte, mas ainda enfrentam obstáculos no âmbito profissional e político. Há uma elite ultra sofisticada, poliglota e educada, no qual o papel das mulheres é mais forte, como na Europa. Também costumam ser mais liberais, independentemente da religião. Namoram sem problemas, usam biquíni e tem sexo antes do casamento. Estudam em universidades americanas, como a AUB (American University of Beirut, a melhor do mundo árabe) e francesas (Universite St Joseph). Elas se vestem como as brasileiras. Nas classes mais baixas, o conservadorismo é maior, também independentemente de serem cristãs ou muçulmanas. Mas mesmo elas costumam ser bem mais ocidentalizadas do que no resto do mundo árabe. Mesmo nas classes mais baixas, uma irmã pode ir para a balada encher a cara e a outra usar hijab e ser bem religiosa. Não tem muita regra.

Como está a situação do país hoje, com o terrorismo, crise dos refugiados?

 O país está pacífico. Beirute é mais seguro do que qualquer capital brasileira. Não há comparação. Não existe assalto e faz tempo que não há atentado. Há uma crise política envolvendo a escolha do presidente pelo Parlamento, que precisa ser cristão. Mas nenhum dos candidatos consegue os dois terços dos votos necessários. Também há uma incerteza em relação ao futuro da Síria. O maior problema do país é lidar com os refugiados sírios. Basicamente, um em cada quatro moradores do Líbano é refugiado. O país não tem estrutura para recebe-los e já precisa lidar com os refugiados palestinos. Note que a Alemanha, um dos países mais ricos do mundo e com uma população 20 vezes maior do que a do Líbano, recebe menos refugiados. O Líbano tem mais refugiados do que toda a Europa e EUA somados.

Para quem quer saber um mais, alguma dica de como viver a cultura Libanesa no Brasil? 

Acho que nada resume o Líbano tão bem quanto o Clube Monte Líbano. É como ir para Beirute, especialmente pelas pessoas. São idênticas no estilo e na aparência. Os restaurantes libaneses do Brasil também seguem a tradição da culinária libanesa, embora com uma vertente mais caseira. Isto é, alguns pratos nos restaurantes libaneses no Brasil são pratos que se come em casa, não nos restaurantes, em Beirute.

Se você quiser saber mais sobre o Líbano, vale a pena dar uma lida nesse artigo do Guga Chacra para o Estadão.